25 julho 2015

I Encontro Rede de Leitura Inclusiva em Maceió

                                                                                              
Na manhã de quinta-feira, 23 de julho de 2015, aconteceu o primeiro encontro da "Rede de Leitura inclusiva de Maceió na Biblioteca Pública Estadual Graciliano Ramos. A Bibliocoop esteve presente através da nossa presidente, Marta Pimentel para adquirir conhecimento e práticas voltadas para essa temática. Precisamos pensar na inclusão e na acessibilidade no momento da implantação de bibliotecas comunitárias no nosso Estado. 
Também estiveram presentes: CFB, UFAL, Secretaria de Estado do Planejamento, Secretaria de Estado da Eduação/Gerência de Educação Especial, Secretaria de Estado da Cultura/Biblioteca Pública Estadual Graciliano Ramos, Secretaria da Mulher e Direitos Humanos, Escola Estadual de Cegos Cyro Acioly e a  Associação de Cegos de Alagoas. Segundo a bibliotecária Mira Dantas, a reunião foi tão proveitosa, que já está marcado o próximo encontro, que acontecerá no dia ia 01 de setembro as 14 horas lá na Biblioteca Pública Estadual.

A Fundação Dorina Nowill, vem desenvolvendo um projeto por todo o Brasil para estimular a formação de redes de leitura inclusiva. A intenção é mobilizar e estreitar o relacionamento entre educadores, mediadores de leitura, governos, agentes de bibliotecas e de organizações sociais, para disseminar a leitura inclusiva pelo Brasil e aproximar a pessoa com deficiência do mundo da leitura.

De acordo com as informações do site da Fundação, desde junho de 2013, grupos de trabalho de representantes dos setores mencionados, estão sendo formados em diversos estados. Os encontros acontecem para avaliar os desafios e necessidades, refletir sobre as potencialidades locais e trocar experiências."Durante as reuniões, são estimulados a elaborar um plano de ação em rede para fortalecer as iniciativas que já existem além de criar novas, sempre tendo como tema o livro, a leitura e biblioteca sob a perspectiva da inclusão das pessoas com deficiência" (DORINA, 2015).

Fontes: http://redeleiturainclusiva.org.br/
https://www.facebook.com/BPEGracilianoRamos

0 comentários:

Postar um comentário